10 abril, 2008



"Tento entender...

Um pouco mais da alma

Alma que me faz dançar nesta festa

Venho atender...

Ao teu pedido d'água

Águas salgadas de mar

Algas que param na areia

Ondas gigantes crescendo

No mar dos sertões na minha cabeça

A mente em meu caminho

A mente em todo lugar

São tortos os santos, querida...."

letra:Otto

3 comentários:

Kbça disse...

Eita lele !!!!!rsrsrsrs

juan disse...

São tortos os santos?

Gostei do poema.. ;)

Juan disse...

agora q percebi... hahaha.. é uma musica.. kkk..